• large-2
    Comportamento, Textos

    O que fazer em tempos de ódio?

    ver post
  • large-2
    Playlist

    Playlist: Agosto

    ver post
  • large
    Amor, Textos

    Ser sensível é corajoso

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: Siga Os Balões

    ver post
  • October 23, 2011
    postado por

    O verão finalmente chegou! E agora é hora de deixar as roupas quentes de lado e começar a apostar nos vestidinhos florais, no Color Blocking, nas sapatilhas e nas rasteirinhas de cores mais fortes. Nos colares e nas sobreposições de cores, que vão marcar o verão: você pode mixar algumas cores fortes: a nova regra é sair do básico. Para se inspirar, escolhi alguns looks das estilosas do Lookbook que trazem lindos vestidos que podem muito bem ser usados no clima do Brasil.

    O amarelo é a cor da estação! Além de ser uma cor viva e alegre ele ainda pode chamar a atenção do seu look. As estampas florais estão sempre em alta, como  Floral Liberty (que nós já comentamos aqui!) e vale apostar nelas e usá-las sempre, com vestidos mais curtos e que podem ser usados com sapatos altos (você pode ousar nas cores e escolher uma que não seja padrão, ou apostar no marrom). O cinto para marcar a cintura é ideal, e pode ser encontrado em várias lojas ou até mesmo no seu guarda roupa.

    O chapéu, a pesar de não ser uma peça tão usada no Brasil em looks de verão é uma tendência que domina as mulheres nas EUA. Você pode ou não (varia do seu estilo) apostar em um, mas o fato é que eles são referência de estilo e combinam com o verão. Escolha bolsas menores e com estampas que não briguem com a do vestido. O clog, sapato que a Rachel-Marie Jones está usando na foto é a da sua cor clássica, o marrom. Eles foram tendência forte nas passarelas do ano passado e ainda aparecem nas lojas.

    Se você quiser montar um look no estilo “acabei-de-sair-da-praia”, pode apostar nos maxi vestidos, de cores fortes e florais. As rasteirinhas ou chinelos mais básicos também podem ser usados bem aqui, neste look, e a sandália de tiras também. Escolha peças confortáveis e que te deixem com um estilo desencanada. O óculos de sol também é essencial no verão, dá um charme à mais. E como falei na foto a cima, a bolsa ideal da estação é a pequena e discreta.

    October 23, 2011
    postado por

    “Não sei expressar-me; mas, sem dúvida, você e todo mundo têm noção de que há ou deverá haver uma existência para além de nós. Qual seria o sentido de eu ter sido criada, se eu tivesse contida apenas em mim mesma?”

    “Se tudo o mais perecesse e ele ficasse, eu continuaria, mesmo assim, a existir; e, se tudo o mais ficasse e ele fosse aniquilado, o universo se tornaria, para mim, uma vastidão desconhecida, a que eu não teria a sensação de pertencer.”

    “Eu não posso viver sem a minha vida! Eu não posso viver sem a minha alma!”

    “Se olho para essas lajes, vejo nelas gravadas as suas feições! Em cada nuvem, em cada árvore, na escuridão da noite, refletida de dia em cada objeto, por toda a parte eu vejo a tua imagem! Nos rostos mais vulgares dos homens e mulheres, até as minhas feições me enganam com a semelhança. O mundo inteiro é uma terrível testemunha de que um dia ela realmente existiu, e eu a perdi para sempre.”

    “Seja do que for que nossas almas são feitas, a dele e a minha são iguais!”

    “Ele nunca saberá como eu o amo; e não é por ele ser bonito, mas por ser mais parecido comigo do que eu própria.”

    “Nem que ele a amasse com toda a força da sua vil existência, seria capaz de amá-la tanto em oitenta anos como eu num só dia.”

    “Se o amor dela morresse, eu arrancaria seu coração do peito e beberia seu sangue.”

    October 23, 2011
    postado por

    O ser humano tem a capacidade de, às vezes, nunca esquecer o que lhe fazem. Eles costumam esquecer as boas memórias e lembram somente das piores, dizem marcadas no coração e não esquecem mais de jeito nenhum. Sempre estão lá, relembrando, cada segundo do que tanto lhe fez mal. Mas por quê? Qual seria o motivo de tudo isso se elas mesmas sabem que isso machuca, chateia, magoa e traz memórias do passado que você já quis esquecer?

    Não entendo porque ficamos sempre lembrando das pessoas, e automaticamente, o que ela já nos fez. Esquecer não é fácil para alguns, mas eu acredito que todas as decepções tem os seus momentos: a melancolia, a tristeza, a decepção que aquilo pode te deixar, mas depois, afinal, é hora de esquecer as magoas. Limpar o coração, e simplesmente, aceitar o que já passou.

    Ficar guardando rancor das pessoas complica o nosso futuro, porque não queremos dar alguns passos apenas por medo, apenas por achar que todos farão o mesmo que alguém um dia já te fez. E errar é humano. Sempre foi. As pessoas não são perfeitas, elas erram uma, duas, três vezes, e não há problemas nisso.

    Mas talvez seja hora de superar e deixar quaisquer magoas que ainda tenham restado para trás. Pra poder, enfim, sorrir. Perdoar é sempre necessário, e ficar guardando sentimentos ruins de experiências que já se foram nunca é bom para ninguém. Atrasa o nosso futuro, porque ficamos sempre implicando com as pessoas. Pense: já passou. Já foi. Agora é hora de esquecer as coisas ruins e só se focar nas boas. O motivo? Toda experiência não é só de momentos ruins. Tem os bons também.

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA