• large-2
    Comportamento, Textos

    O que fazer em tempos de ódio?

    ver post
  • large-2
    Playlist

    Playlist: Agosto

    ver post
  • large
    Amor, Textos

    Ser sensível é corajoso

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: Siga Os Balões

    ver post
  • November 10, 2011
    postado por

    Palavra que define o livro: muito romance! A maioria dos livros que eu tenho na minha prateleira são de histórias sobrenaturais, vampiros, dentre outros, e “Anna E O Beijo Francês” me surpreendeu e se tornou um dos livros favoritos que eu li durante o ano. Além de ser totalmente realista e sem clichês, a história é o romance de estréia de Stephanie Perkins, que conta a vida de Anna, uma adolescente de dezoito anos que tinha uma vida que ela julgava perfeita na cidade de Atlanta, nos Estados Unidos, até que seu pai (que é autor de livros dramáticos em que os protagonistas sempre morrem no final – achei uma menção engraçada ao Nicholas Sparks -, famoso autor do gênero) a manda estudar em um internato em Paris, a cidade mais romântica do mundo.

    Anna tinha uma ótima vida em Atlanta. Uma melhor amiga divertida, o seu irmão mais novo e uma paixão pelo seu colega de trabalho do cinema local da cidade. Anna é apaixonada por filmes e sonha em ser uma famosa crítica de cinema, mantendo seu site sobre a industria cinematográfica. Ela iria se formar no colegial, e tudo apontava para que o seu ano fosse um dos melhores de sua vida, quando tem que se mudar repentinamente para outro país.

    Ela sente uma falta absoluta das EUA, e no início do livro, fica claro as qualidades e os defeitos da protagonista, que é uma personagem totalmente real. Ela é inteligente, divertida e bonita, mas também não é a garota mais rica e nem a que se destaca mais. Seus pais são divorciados e ela tem vários problemas. De início, Anna não consegue se identificar com Paris e nem fazer muitos amigos, mas conhece Josh, Rashimi, Meredith e… St. Clair.

    Ela não esperava conhecer um garoto tão bonito, inteligente, engraçado e “perfeito” como Étienne St. Clair, um americano com sotaque britânico e que mora em Paris. St. Clair é admirado por todas as meninas do internato, além de ter um lindo cabelo, olhos admiráveis, um senso de humor afiado e ser adorado por todos, tanto pela sua simpatia e talento para desenhar. Mas é a personalidade bem real de St. Clair que encanta qualquer pessoa que lê o livro (impossível não se apaixonar por ele!) ele também tem vários defeitos e manias irritantes, que fazem Anna se apaixonar ainda mais por ele.

    Porém, St. Clair também tem vários problemas com a família. Seu pai é rico e autoritário, que maltrata a mãe, cujo está sofrendo de uma doença grave. O pai dele faz de tudo para que St. Clair não a visite e não a acompanhe no hospital, tentando fazer com que os dois não se aproximem. A história é inteligente e tem várias referências a Paris, já que Anna visita vários pontos turísticos, e também fala sobre vários títulos famosos do cinema e diretores consolidados, como Sofia Coppola, uma das preferidas da protagonista.

    O encantamento do livro envolve a paixão de Anna e St. Clair, que claramente gostam muito um do outro, mas não conseguem confessar. Os dois se tornam melhores amigos, porém, St. Clair tem namorada, uma antiga estudante do internato, Ellie. E Meredith, amiga dela – a primeira pessoa que a recebeu no internato – tem uma queda há anos por Étienne.

    Várias cenas românticas aparecem no livro, como diálogos fofos e engraçados entre o casal, as declarações de St. Clair para Anna, dizendo que ela é inteligente, bonita e uma das únicas pessoas do qual ele realmente pode conversar, o ciúme que um tem do outro, além de várias histórias que aparecem paralelamente no livro. A importância dos amigos de Anna também é um dos pontos centrais da história, como algumas brigas que ela sofre com Meredith, após todos descobrirem que ela St. Clair são apaixonados um pelo outro.

    Uma história linda. Vale super a pena ler, até mesmo quem não é fã de livros românticos. Uma das mais legais que eu já li. E o mais interessante do livro é que os personagens são reais e fáceis de se identificar.

    P.S: Só, cuidado! É bem possível que você se apaixone pelo St. Clair, assim como Anna.

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA