• large
    Viagens, Videos

    Vlogs legais de viagens

    ver post
  • 18033802_1425737924156032_8579091541036371031_n
    Música

    Bandas que vale a pena ouvir

    ver post
  • Arte: Juliana Rocha
    Comportamento, feminismo

    #MeuCorpoNãoÉPúblico

    ver post
  • large
    Séries

    Série: The Defenders

    ver post
  • August 5, 2012
    postado por

    O filme que conta a história sobre a carreira de Katy Perry e é um diário de viagem da turnê Califórnia Dreams, tem como intuito aproximar os fãs da cantora, e até aqueles que não são muito chegados à ela, de toda a sua rotina e batalha para conquistar o sucesso. O longa não mostra apenas cenas simpáticas e sim seus dias de mau-humor, tudo o que ela enfrentou para conquistar  o público e como foi o início da sua carreira, o relacionamento com os fãs, com a família, o casamento com Russell Brand, dentre outros. Tudo com direito a opinião dos amigos mais próximos de Katy, seus irmãos, pais, e até a avó, que tem uma aparição especial no filme.

    Vários fãs da cantora estão presentes nas cenas, contando o motivo de serem tão fãs de Katy, de como ela os inspira, e o que aprenderam com a sua mensagem, e até tweets para a sua conta no Twitter de admiradores aparecem durante o filme. A relação com os seus fãs é muito bem tratada, dando grande destaque a eles.

    Katy lutou para alcançar o seu sonho e isso é frisado durante muitas vezes. “Ela não fez sucesso da noite para o dia”, revela uma de suas amigas e integrante da equipe da turnê. Vídeos antigos da cantora – de quando ela tinha apenas 18 anos, por exemplo – são exibidos, retratando também sua mudança para Los Angeles e a vontade de sair do ambiente totalmente cristão em que vivia sua família. Ela conhece um novo mundo, e a partir disso, quer alcançar o seu maior sonho. Ela passa por mais de duas gravadoras, do qual não apostam na sua visão, que é diferente e distinta da de outros artistas.

    O seu lado divertido também aparece. Katy é piadista, engraçada, e a sua conexão com o público é transmitida de uma boa forma em cenas casuais, como ela fazendo academia, comendo pizza, de cara lavada (totalmente sem maquiagem), ensaiando dia após dia e enfrentando muitas viagens de avião apenas para encontrar o marido. Também vemos toda a produção dos shows, como os figurinos, a equipe, o maquiador, empresário, dentre outros. Conhecemos, realmente, um lado diferente de toda a produção por trás do nome Katy Perry, e de como ela escreve todas as canções dos seus álbuns.

    Alguns números musicais são exibidos: como “E.T”, “Humming Heartbeat”, “Teenage Dream”, “Not Like The Movies”, intercalando com cenas do backstage. É incrível sentir a vibração do seu show. O 3D também é bem legal, sendo usado de uma forma criativa em algumas cenas, mas não é estritamente necessário para ver o filme. Mas ele é bem utilizado.

    A parte mais emocionante é, com certeza, as cenas do divórcio de Katy com Russell. É como se entendêssemos tudo o que aconteceu com ela, toda a sua angústia e tristeza. As cenas são bem tristes, como por exemplo, quando recebe o pedido de divórcio antes do show de maior público da turnê, no Brasil, em São Paulo no ano passado. Enquanto canta “The One That Got Away”, todos os fãs entoam, bem alto: “Katy, eu te amo.”

    Também tem a presença de artistas como Adele, Justin Bieber, Jessie J e Lady GaGa falando sobre a cantora, cada fase da sua carreira, a época em que ela alcançou o recorde de Michael Jackson com 5 singles no topo da Billboard, dentre outros. É uma ótima chance para conhecer um lado diferente da cantora, muito distinto do que é mostrado na mídia.

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA