• Foto: Paolo Raeli (coltre.tumblr.com)
    Reflexão, Textos

    Um adeus para 2017

    ver post
  • Dark-Netflix-11
    Séries

    Série: Dark

    ver post
  • 447788_m1495676403
    Filmes

    Filme: Extraordinário

    ver post
  • 24852431_1643305065692964_7543332303222915697_n
    Playlist

    Playlist: Dezembro

    ver post
  • August 14, 2013
    postado por

    Titulo: Feios

    Autor (a): Scott Westerfeld

    Editora: Galera Record

    Sinopse: Tally está prestes a completar 16 anos, e ela mal pode esperar. Não por sua carteira de motorista – mas para se tornar bonita. No mundo de Tally, seu aniversário de 16 anos traz uma operação que torna você de uma horripilante pessoa feia para uma maravilhosa pessoa linda e te leva para um paraíso de alta tecnologia onde seu único trabalho é se divertir muito. Em apenas algumas semanas Tally estará lá. Mas a nova amiga de Tally, Shay, não tem certeza se ela quer ser bonita. Ela prefere arriscar sua vida do lado de fora. Quando ela foge, Tally aprende sobre um lado totalmente novo do mundo dos bonitos – que não é tão bonito assim. As autoridades oferecem a Tally sua pior escolha: encontrar sua amiga e a entregar, ou nunca se transformar em uma pessoa bonita. A escolha de Tally faz sua vida mudar pra sempre.

    Eu sempre via a capa do “Feios” na livraria e ele me chamava muito a atenção, mas como o preço do livro nunca abaixava eu acabava enrolando e nunca comprei. Foram praticamente dois anos assim e agora eu finalmente tive a chance de ler a série, que é bem conhecida e traz o gênero da distopia, que anda bombando muito por ai (ele começou a chamar a atenção do mundo todo com Jogos Vorazes). A protagonista é Tally, uma garota que vai fazer 16 anos. No seu mundo, isso significa que quando ela finalmente fazer aniversário, vai ser submetida à uma cirurgia feita por médicos especializados e se tornar perfeita.

    A civilização que nós vivemos atualmente se extinguiu por algum motivo, e agora só vivem povos em algumas pequenas cidades totalmente futurísticas. Para gerar um equilíbrio na sociedade e nenhuma injustiça, é realizada a operação em todos os jovens, para que não se existam pessoas mais ou menos bonitas. Assim, todos seriam perfeitos e ao mesmo tempo iguais.

    Para Tally Youngblood, o seu maior sonho é viver em Nova Perfeição, onde inclusive o seu grande amigo Peris vive após ter feito a operação. Mas parece que as pessoas que passam por ela não ficam diferentes só na aparência. E tudo isso é questionado por Tally quando Shay, uma nova amiga, aparece em sua vida. É a primeira vez que alguém lhe mostra um mundo diferente, totalmente distinto, em que eles podem ter a opção de não se tornarem perfeitos e não fazerem tudo o que os adultos querem.

    Shay é uma das personagens mais interessantes e no inicio da leitura ela quase parece a protagonista, pois quem tem as ideias revolucionistas aqui não é ela, e sim a amiga que aparece só um tempo depois em que o plano de fundo da história já foi apresentado. Tally conhece então um grupo de rebeldes, que vivem na Fumaça, uma cidade independente em que várias pessoas se abrigam esses jovens e também adultos.

    A história traz um tema polêmico e também se destaca entre os livros distópicos, que vem ganhando cada vez mais espaço. Ah, e também rola um romance, para aquelas que adoram um livro com algum casal chamando a atenção. Só que ele não é nem de perto o foco e o mocinho só chega lá pela metade do livro. Ele se chama David, e é um dos líderes da Fumaça.

    Não foi o livro mais legal que eu já li, mas não deixou a desejar, claro. A história é envolvente e os capítulos que possuem cenas de ação te instigam a continuar lendo. Uma coisa que eu também gosto são de capítulos mais curtos (não gosto dos muito longos), e por isso esse primeiro volume me agradou bastante nesse fator. Irei ler o segundo, “Perfeitos”, com certeza!

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA