• imagem.aspx
    Livros

    Livro: O papel de parede amarelo

    ver post
  • c424b2334dc4ec4f94a88f111ccd3809
    Lookbook, Looks, Moda

    Looks fáceis para o inverno

    ver post
  • b8add7a736b3b794eb3642ac068d19d6
    Playlist

    Playlist: Maio

    ver post
  • wooden-731263_960_720
    Comportamento, Textos

    Uma carta sobre sensibilidade

    ver post
  • Fevereiro 8, 2014
    postado por

    Título: Hush, Hush – Silêncio

    Autor (a): Becca Fitzpatrick

    Editora: Intrínseca

    Sinopse: Nora Grey não consegue se lembrar dos últimos cinco meses. Depois do choque inicial de acordar em um cemitério e descobrir que ficou desaparecida por semanas, ela precisa retomar sua rotina, voltar à escola, reencontrar a melhor amiga, Vee, e ainda aprender a conviver com o novo namorado da mãe. Em meio a tudo isso, Nora é assombrada por constantes pensamentos com a cor preta, que surge em sua mente nos momentos mais improváveis e parece conversar com ela. Alucinações, visões de anjos, criaturas sobrenaturais. Aparentemente, nada disso tem a ver com sua antiga vida. A sensação é de que parte dela se perdeu. É então que o caminho de Nora cruza o de um sexy desconhecido, a quem ela se sente estranhamente ligada. Ele parece saber todas as respostas… e também o caminho até o coração de Nora. Cada minuto a seu lado confirma isso, até que Nora se dá conta de que pode estar apaixonada. De novo.

    Faz praticamente dois anos que eu li o segundo livro da série, “Crescendo” e não havia lido a continuação e o terceiro volume até Janeiro de 2014. Por tanto, eu não me lembrava de muita coisa da história. Só algumas passagens, e óbvio, o romance de Nora e Patch (fica meio difícil de esquecer, né?). No terceiro livro, Nora perde boa parte da sua memória e não consegue se lembrar de nada. Ela acorda em um cemitério e cinco meses da sua vida não passam de um borrão. Por isso, ao longo dos capítulos, eu até fui descobrindo alguns pontos da história com a protagonista, que eu não me recordava mais.

    Quando ela volta para casa, acaba tendo que encarar o novo namorado da sua mãe: Hank Millar, e também pai da sua arqui-inimiga do ensino médio, Marcie. E depois, ela acaba descobrindo que um dos homens que ela mais odeia é também o seu pai biológico (mesmo que ela não o considere como seu pai de verdade) e que ele é o temido Mão Negra, e foi ele que provocou o seu sequestro e a sua (quase) morte. Ele é líder do grupo dos nefilins na luta contra os anjos caídos e quer provocar uma guerra entre ambos.

    O livro é bem intrigante, carrega vários mistérios e o que chama atenção é também o momento que Nora encontra Jev, que na verdade é Patch – sob o seu verdadeiro nome – e revive todas aquelas sensações de quando ela se apaixonou por ele, lá no primeiro livro. Ela não se lembra exatamente da relação que eles tiveram, mas se recorda que eles viveram coisas muito fortes juntos. Patch é o típico bad boy com alma de mocinho e personagem dos livros sobrenaturais que a gente adora amar.

    E nem o Scott, amigo de Nora, que está foragido e tem uma queda por ela, fica páreo com o anjo caído. Os dois se encaixam melhor como amigos, e acho que a tentativa da autora de fazer rolar um triângulo amoroso não vingou nesse volume, e eu prefiro assim. Histórias que a protagonista sempre fica dividida entre dois caras já caíram no clichê.

    Os capítulos são recheados de ação e cenas eletrizantes. Quem não gosta de leituras paradas, vai se agradar com essa história, que entra no ritmo dos outros livros rapidamente. Em alguns momentos ele pode cair um pouco na monotonia, mas logo depois ele já está cativando o leitor novamente.

    A Nora me agradou muito por estar mais decidida, forte e corajosa também. Ela não é do tipo fraca, que depende sempre do par romântico pra ser salva e consegue se resolver sozinha, sem medo de enfrentar alguns nefilins pelo caminho. Agora, prometo que vou agilizar a leitura e ler o mais recente, “Finale” o mais cedo que eu puder!

    1. Miguel Alexandre Pereira Fev 08, 2014

      Tenho muita curiosidade em ler este livro, ainda fiquei mais interessado com este teu comentário. Quando for à livraria tenho mesmo de comprá-lo :)

      http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA