• 26e14d287bd9c5f49b36990e398601d0
    Comportamento

    Um recado para o Instagram

    ver post
  • space love xx Scott Brian Madeiras
    Amor, Reflexão

    Antítese

    ver post
  • 71e0db6e93ee0415f7c0c0cb28e2027c
    Looks, Moda

    Looks para o verão

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: A Quimica Que Há Entre Nós

    ver post
  • August 10, 2014
    postado por

    Minha paixão por livros começou quando eu tinha… acho que nem lembro mais! Oito anos? Nove? Foi mais ou menos nessa época. Eu me lembro direitinho do primeiro livro que eu li na vida. Foi da Ruth Rocha, era o “Rei Que Não Sabia de Nada.” Na época eu deveria ter sete anos. Demorei pra me alfabetizar, por alguns problemas na escola, mas graças à uma professora muito querida, aprendi rápido e eu não imaginava que a leitura – e a escrita – teriam uma importância tão grande pra mim. Tenho um orgulho infinito pela minha estante!

    Como vocês já devem ter percebido aqui no blog, eu amo ler. Por diversos motivos. Mas eles, eu deixo pra explicar em outro post. O assunto aqui de hoje é algo que eu sempre me deparo nas redes sociais ou durante o dia-dia. Todo mundo já sabe que o termo “modinha” surgiu lá na época de RBD e feelings, e que ele não saiu da boca de muita gente desde então. Tivemos muitas febres no caminho. Harry Potter (que pra mim vai ser sempre eterna), Twilight e recentemente o sucesso de The Fault In Our Stars e da litetura YA (Young Adult) que vem ganhando um espaço enorme. Os livros pra adolescentes sempre foram destaque, mas recentemente ganharam as livrarias, se vocês forem perceber.

    O fato é que o preconceito se torna maior a cada dia. As pessoas tem preconceito com opção sexual, cor de pele, escolha de roupa, de estilo, e agora também com livros. É, infelizmente o preconceito também invadiu o mundo da leitura faz tempo. Costumamos avaliar algo pela opinião alheia e sempre tem a galera que quer ser cult e dizer insistentemente que odeia algo, só pra não ser “a maioria.” É óbvio que muitas vezes a opinião é sincera. Eu, por exemplo, li os dois volumes de Fifty Shades of Grey e não gostei. Mas antes de criticar, li e fiz a minha avaliação. E essa foi a minha opinião. Não me sinto em nenhum momento superior a nenhuma pessoa por não curtir algo que fez tanto sucesso.

    Ler clássicos é maravilhoso, é claro! E muitas pessoas preferem abranger os seus gêneros de leitura, e ter todo tipo de livro em cada. Mas gosto é gosto. Só porque uma garota só lê YA ou chick lit, não a torna alguém menos leitora, menos inteligente, ou “menos” qualquer coisa. É questão de preferência, de estilo. Eu gosto de muitos tipos de livro, mas confesso que os YA ocupam metade da minha estante (na verdade, 98% dela!). Já minha mãe tem desde Dom Casmurro até Beijada por um Anjo na sua lista de leituras.

    Já perdi a conta de quantas vezes li que o John Green é ruim porque “A Culpa É Das Estrelas” é só mais um clichê. Tipo, oi? Não acho que a maioria das pessoas tenham lido pelo menos alguma obra do John. Ele tem livros muito bem escritos, reflexivos e interessantes sim. E é um dos caras que mais sabe escrever livros para jovens que fogem dos clichês (mesmo que eles possuam uma estrutura semelhante). John Green apresenta obras bem inteligentes (na minha opinião). TFIOS não é o meu favorito dele, mas é incrível como todo mundo julga pela capa, ou pelo o que a mídia diz.

    Vamos ter mais personalidade! Existem pessoas que simplesmente não gostam de livros voltados para o público adolescente, mas eu conheço muitos adultos que gostam e não possuem preconceitos. É normal a gente preferir alguma coisa à outra. Eu, por exemplo, quase nunca leio livros de investigação policial. Mas ainda pretendo me aventurar no gênero. Como eu sou muito curiosa, acho que posso gostar.

    A gente tem tanto pé atrás com um milhão de coisas na vida, mas que tal a leitura não ser uma dessas? Afinal, os livros são um dos únicos lugares do mundo do qual podemos viajar sem sair de casa, nos apaixonar por personagens fictícios e sair um pouco da realidade, nem que seja por alguns minutos, entre um capítulo e outro.

    1. Gabi Barbará Aug 11, 2014

      Meu primeiro livro também foi aos 7 anos! E foi o Hobbit! Mas não qualquer Hobbit, a primeira traduçao que ja existiu pra português do Hobbit, que eu herdei com muito carinho do meu pai.

      Queria muito ter uma estante linda de livros, mas quando se é nômade eh muito difícil. Livros pesam muito na mala e eu só posso carregar 20 kg de um pais pro outro. Acabo abandonando muitos livros pelo caminho. Sempre deixo meu nome na capa, pedindo pra que leiam o livro, escrevam seus nomes, e deixem pra próxima modelo que morar naquele apartamento ler.

      Tenho reparado que a maioria das modelos brasileiras não lê, principalmente as novas. A maioria esmagadora dos livros que acho perdidos nos apartamentos de modelo que já morei eram em russo, polaco… em português ate hoje só achei um.

      bjs de Filipinas,
      Gabi Barbará
      Barbaridades!

    2. Miguel Alexandre Pereira Aug 11, 2014

      Devemos ler aquilo que realmente gostamos, não importa juízos de valor. No meu caso, não importo nada com a opinião dos outros sobre aquilo que estão a ler, é importante é ter a nossa opinião!

      http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

      Ps estou a seguir-te pelo Twitter :)

    3. Nana Aug 13, 2014

      Oi Ana,
      Ah isso é coisa da internet mesmo, tem sempre um para alfinetar algo de bom que o outro faz [aqui no caso ler]

      E julgar sem saber é o que mais gostam de fazer. Vejo por alguns comentários no Facebook e que já fizeram para mim sobre livros românticos, Nicholas Sparks e tals.

      bjs
      Nana – Obsession Valley

    4. Dayane Nascimento Aug 14, 2014

      Eu gosto muito de leitora, não sou aquelas que leem um livro atrás do outro, mas sempre procuro ler algum e realmente tem muitas pessoas que tem um certo preconceito com esses livros de modinhas, como por exemplo como você falou do A Culpa é das Estrelas muitas pessoas questionam o livro por ser famosinho, mas ele é ótimo, maravilhoso ?
      Muito bom seu post.

      E queria te avisar que a sua foto do projeto la do meu blog, foi publicada! Muito obrigada pela sua participação viu ?
      Beijos
      http://www.conversandocomalua.com

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA