• 26e14d287bd9c5f49b36990e398601d0
    Comportamento

    Um recado para o Instagram

    ver post
  • space love xx Scott Brian Madeiras
    Amor, Reflexão

    Antítese

    ver post
  • 71e0db6e93ee0415f7c0c0cb28e2027c
    Looks, Moda

    Looks para o verão

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: A Quimica Que Há Entre Nós

    ver post
  • April 16, 2015
    postado por

    Ilustração via WeHeartIt

    Sabe aqueles dias em que você acorda sem saber muito o que esperar de tudo? Mas já sabe exatamente como vai ser a sua rotina. Levantar. Ônibus. Escola. Estudar. Música. E vai dormir à noite e tudo recomeça de novo. Um ciclo exatamente igual; de vez em quando, uma coisa ou outra surpreendente acontece. Mas é raro, vale dizer. As surpresas são poucas. Você vive pensando no futuro, ansiando por ele. Desejando que algo especial aconteça. Porque vamos confessar, é meio desanimador a mesmice.

    Eu sempre disse que tenho medo de mudanças. Mas acho que no fundo, comecei a gostar muito delas. Gosto da empolgação, do frio (absurdo) que eu sinto na barriga quando algo novo vai acontecer. E aprendi a enfrentar muitas situações sozinha; e isso é algo do qual eu me orgulho. No passado, eu sempre precisava de uma mão para me ajudar, encarar às coisas. E agora não. Eu consigo ir para lugares inesperados, sem que outra pessoa tenha que me apoiar para eu não surtar. É a coisa mais fácil do mundo? Não. Especialmente porque eu sou muito ansiosa, mas isso só nos faz crescer.

    Por isso, quando nada de desafiador acontece, eu fico meio sem saber o que fazer. Gosto de planejar e esperar por algumas coisas que vão acontecer. E descobri também que no futuro quero conhecer muitos lugares novos. Não há nada melhor do que conhecer coisas diferentes, que sejam legais, e tenham a ver com você. Eu tenho é pânico de viver a minha vida inteira no mesmo lugar, e tendo como alegria um shopping no final de semana pra sempre. Ok, eu só tenho 16, mas sim, os anos passam muito rápido. Não dá para esperar demais, sabe?

    Até porquê, as pessoas sempre te pressionam enquanto você cresce. Para entrar na faculdade, para arrumar um emprego, decidir o que quer fazer da vida, namorar, dentre outras coisas que você não percebe porque já acha normal. Mas repare: as pessoas sugerem, mesmo que de modo discreto, que é isso que você tem que fazer da vida. E ponto. Mas, cadê a liberdade nisso tudo? A vontade de sair um pouco do caminho de sempre?

    Parece que todos os detalhes tem que estar no papel. E você tem que segui-los à risca. E eu nunca gostei que outras pessoas mandassem em mim. Costumo dizer que eu penso grande. E sim, é verdade. Eu penso mesmo! Sonho, crio objetivos. Mas eu não quero ficar só imaginando eles. Pretendo fazer todas essas coisas acontecerem; morar fora, conhecer gente nova e surpreendente, ir em mais shows, me divertir. Um dos meus pensamentos é esse: às vezes, o dia-dia é sempre meio tedioso. E eu sou obrigada a fazer tudo igual sempre.

    Então, quando eu for independente financeiramente, quando poder me virar, quero me divertir demais. Em todos os momentos. E me arriscar no desconhecido, porque é o que vale a pena. Mas nada disso é super simples de fazer. E não tem nada, nada nessa vida que seja extremamente fácil (só ficar sentado no computador mesmo).

    E um dia, quando a gente parar para pensar, vamos estar em um estágio bem mais avançado da vida. Acredite, nem tudo passa dão devagar assim. Eu não quero me arrepender de não ter feito coisas por medo. Só quero me lembrar que sim, eu me joguei, mas pode ter valido a pena (ou não) no final. Mas é aquela história: tem que tentar pra saber, né?

    1. Gabi Barbará Apr 18, 2015

      Mudanca da um medinho mesmo, eh normal! Mas vale a pena cada segundo!!

      bjs da Malásia,
      Gabi Barbará
      Barbaridades!

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA