• large-2
    Comportamento, Séries, TV

    As personagens femininas de Skam

    ver post
  • large
    Música

    Playlist: Junho

    ver post
  • large-2
    Culinária, Diversão

    Os melhores burgers de Florianópolis

    ver post
  • large-2
    Blogs

    O blog está de cara nova!

    ver post
  • November 30, 2015
    postado por
    os-bons-segredos-de-sarah-dessen-editoraseguinte

    Título: Os Bons Segredos

    Autor (a): Sarah Dessen

    Editora: Seguinte

    Páginas: 408

    Preço Sugerido: R$20,00 na Saraiva

    Sinopse: Sydney sempre viveu à sombra do irmão mais velho, o queridinho da família. Até que ele causa um acidente por dirigir bêbado, deixando um garoto paraplégico, e vai parar na prisão. Sem a referência do irmão, a garota muda de escola e passa a questionar seu papel dentro da família e no mundo. Então ela conhece os Chatham. Inserida no círculo caótico e acolhedor dessa família, Sydney pela primeira vez encontra pessoas que finalmente parecem enxergá-la de verdade. Com uma série de personagens inesquecíveis e descrições gastronômicas de dar água na boca, Os bons segredos conta a história de uma garota que tenta encontrar seu lugar no mundo e acaba descobrindo a amizade, o amor e uma nova família no caminho.

    Já vou começar o post dizendo que essa foi uma das minhas leituras favoritas do ano! “Os Bons Segredos” de Sarah Dessen, é aqueles livros que te fazem mergulhar na história: a autora descreve os personagens e os acontecimentos muito bem e de forma lenta, o que vai te fazendo se identificar mais com o enredo e no final do livro, você tem a sensação de que eles se tornaram pessoas conhecidas (mesmo que eu tenha feito a leitura em poucos dias!). Esse é o segundo livro da autora que eu leio; o primeiro foi “O Que Aconteceu Com o Adeus“, lá em 2012.

    A protagonista do livro é Sydney, uma garota que está no segundo ano do ensino médio e sempre se sentiu meio deslocada e invisível para a família. O centro das atenções sempre foi o seu irmão mais velho, Peyton, que era considerado um filho brilhante, até começar a se meter em problemas. Primeiro foram roubos “inocentes”, brigas na escola e passagens pela policia. Até que a coisa evoluiu para algum tempo na reabilitação e logo quando eles achavam que ele estava se recuperando, Peyton foi pego dirigindo bêbado de madrugada; poderia ser só mais uma situação igual às outras, se ele não tivesse atropelado um garoto inocente – David Ibarra – que ficou paraplégico.

    A família de Sydney, que já não possuía mais um convívio estável, só piorou ainda mais com o tempo. O irmão foi para a prisão, a mãe dela entrou em crise e a vida familiar se tornou quase insuportável. A narração é feita pela protagonista, o que nos dá toda a visão dela dos fatos e nos aproxima muito mais da personagem. Nós vemos ela ter que lidar com uma situação agoniante: ela é ignorada pelos pais, e mesmo sempre tendo sido uma boa filha – e nunca ter feito nada de errado – ela também pagava pelo preço dos erros cometidos pelo irmão. Inclusive, ela se sente culpada pelo acidente. Como a mãe sempre tenta defender Peyton não importa o que aconteça, ela se sente responsável por todo o sofrimento que David Ibarra passa.

    Sydney muda de escola para ter um novo recomeço, em um lugar que ninguém saiba quem ela é por causa do seu irmão: ela quer ser ela mesma. E é arriscando que ela conhece novos amigos, como a Layla, uma das personagens mais legais e engraçadas da história. A sua nova amiga apresenta para ela um lar: a sua família é grande, acolhedora e diferente de tudo que Sydney já conheceu. Layla tem vários irmãos; um deles é Mac, que acaba se tornando um grande amigo para Sydney e uma das primeiras pessoas que ela conhece que vai realmente tentar entendê-la e se aproximar dela.

    O livro tem um mix de tudo que um bom livro YA (Young Adult) possuí: um crescimento incrível e notável dos personagens ao longo da história, romance (porém, o foco principal aqui não é o casal principal; apesar de que você vai torcer por eles durante toda a leitura), drama familiar e passagens divertidas e com um pouco de humor nas horas certas.

    A história trata de assuntos sérios de uma forma não tão agressiva, e que vão te fazer refletir. É aquele tipo de livro que vai te fazer virar as páginas com ansiedade para saber o que vem a seguir; e nada acontece de maneira muito rápida. O enredo se desenvolve aos poucos, dando tempo para o leitor acompanhar todo o crescimento individual de Sydney. Sarah Dessen também soube criar personagens intrigantes e interessantes.

    Eu gostei muito de acompanhar a jornada da protagonista durante as 400 e poucas páginas, e quero muito ler outros livros da autora depois desse, que me surpreendeu e é uma leitura YA mais profunda e honesta. Sydney tem que descobrir quem ela é, as coisas que ela quer, e como viver sem a sombra do seu irmão ao seu lado, como ela sempre teve que fazer durante toda a sua vida. Ela passa por experiências ruins e tem que lidar com isso: seja com os amigos, ou sozinha. 

    P.S: Achei o design da capa incrível. O nome também combinou de certa forma com a história e a editora Seguinte está de parabéns por investir de verdade nesse projeto!

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA