• 26e14d287bd9c5f49b36990e398601d0
    Comportamento

    Um recado para o Instagram

    ver post
  • space love xx Scott Brian Madeiras
    Amor, Reflexão

    Antítese

    ver post
  • 71e0db6e93ee0415f7c0c0cb28e2027c
    Looks, Moda

    Looks para o verão

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: A Quimica Que Há Entre Nós

    ver post
  • August 31, 2016
    postado por

    Pesquisar novos artistas ou ouvir álbuns não tão conhecidos é uma das minhas coisas favoritas. Principalmente com a facilidade que o Spotify te dá de conhecer novas músicas. E recentemente eu ando ouvindo muitas cantoras pop (e algumas alternativas) que pouco aparecem nas rádios, ou estão começando a ganhar atenção do público e da mídia recentemente. Saia da mesmice e vem ouvir!

    large (1)

    Carly Rae JepsenEmotion

    Você com certeza já ouviu falar da Carly, mas ela lançou em 2015 o segundo CD da carreira. Emotion é um álbum com uma inspiração enorme nos anos 80. É repleto de músicas pop com letras grudentas e de boa qualidade, que falam sobre amor e auto conhecimento. O disco foi muito elogiado pelos críticos e fez ela conquistar vários fãs novos. É difícil não se apaixonar pelas músicas. É uma pena que você dificilmente vai ouvi-las na rádio, mas acredite, elas vão te animar independente do humor que você esteja. Ouça: Emotion, Your Type, Making The Most of The Night, Boy Problems.


    large (2)

    Hayley KiyokoThis Side of Paradise

    A californiana de 25 anos começou a despontar na carreira musical ano passado, quando lançou o seu EP, trazendo o seu primeiro single, “Girls Like Girls.” A faixa ganhou um clipe com mais de 45 milhões de visualizações no Youtube: ele é dirigido pela própria cantora, que é a responsável pela criação e o enredo de todos os seus vídeos. Ela dá visibilidade à comunidade LGBT, tendo casais lésbicos como protagonistas dos clipes. As letras dela são honestas e trazem aquele ar de girl power. Ouça: Gravel to Tempo, Cliffs Edge, Girls Like Girls, Feeding the Fire.


    large (3)

    ShuraNothing’s Real

    A britânica Shura é uma das grandes apostas de 2016. Ela lançou o disco de estreia em Julho deste ano, mas ela já havia lançado várias faixas e clipes desde 2014. Sempre citada pela mídia da Inglaterra, ela bombou com “What’s It Gonna Be?”, e está marcando presença em diversos festivais pelo mundo. O seu som mistura electropop, com indie e até R&B. Ela aprendeu a tocar violão aos 13 anos, e aos 16 começou a gravar suas próprias músicas. Ouça: What’s It Gonna Be, Indecision, Touch, Make It Up.


    the japanese house

    The Japanese HousePools to Bathe In

    Dona de uma voz única, Amber Bain foi contratada pela Dirty Hit, a mesma gravadora do The 1975 e Wolf Alice. Os primeiros, aliás, tem participação na produção do primeiro EP de Amber, lançado em 2015. “Pools to Bathe In” foi uma das minhas trilhas sonoras no ano passado; todas as músicas possuem um tom de melancolia e são perfeitas para ouvir naqueles dias de chuva. Em 2016, ela lançou “Clean”, com novas faixas e uma pegada um pouco mais pop. No inicio do projeto, ninguém sabia quem era a voz por trás do The Japanese House, mas Amber se revelou pois não queria que o mistério fosse mais importante que a música em si. Ouça: Still, Teeth, Clean, Cool Blue.


    1. Eduarda Baptista Aug 31, 2016

      Eu adoro a Carly, a voz dela é incrível! As outras quatro eu ainda não conhecia, super valeu a indicação, já estou com o YouTube aberto aqui para escutar haha seu blog é lindo e o conteúdo também é muito legal! <3

      http://www.dudices.com.br/

    2. Chell Sep 05, 2016

      OBRIGADA POR ESTE POST!!
      Adoro conhecer músicas novas e vou explorar =D

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA