• large-4
    Comportamento, Textos

    Reconstrua

    ver post
  • large-3
    Playlist

    Playlist: Julho

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: Outros Jeitos de Usar a Boca

    ver post
  • large
    Textos

    Hábitos

    ver post
  • September 15, 2013
    postado por

    Sou forte. Meio doce e meio ácida. Em alguns dias acho que sou fraca. E boba. Preciso de um lugar onde enfiar a cara pra esconder as lágrimas. Aí penso que não sou tão forte assim e começo a olhar pra mim. Sou forte sim, mas também choro. Sou gente. Sou humana. Sou manhosa. Sou assim. Quero que as coisas aconteçam já, logo, de uma vez. Quero que meus erros não me impeçam de continuar olhando para a frente. E quero continuar errando, pois jamais serei perfeita (ainda bem!). Tampouco quero ser comum e normal. Quero ser simplesmente eu. Quero rir, sorrir e chorar. Sentir friozinho na barriga, nó no peito, tremedeira nas pernas. Sentir que as coisas funcionam e que tenho que trocar de jeito quando insisto em algo que não dá resultado. Quero aprender e, ainda assim, continuar criança. Ficar no sol e sentir o vento gelado no nariz. Quero sentir cheiro de grama cortada e café passado. Cheiro de chuva, de flor, cheiro de vida. Aprecio as coisas simples e quero continuar descomplicando o que parece complicado. Se der pra resolver, vamos lá! Se não dá, deixa pra lá. A vida não é complicada e nem difícil, tudo depende de como a gente encara e se impõe. Quero ser eu, com minha cara azeda e absurdamente açucarada. Não quero saber tudo e nem ser racional. Quero continuar mantendo o meu cérebro no lugar onde ele se encontra: meu coração. E essa é a melhor parte de mim.

    Autor: Clarissa Corrêa é uma escritora brasileira e também blogueira, postando seus textos no seu site. Sua popularidade aumentou ainda mais com as redes sociais em que seus textos e frases sempre são citadas, chamando a atenção para novos leitores. Também possui conta no Twitter e página no Facebook.

    August 18, 2013
    postado por

    Como não amar o autor Rick Riordan? O norte-americano do Texas, que já tem 49 anos, é um dos autores mais famosos que escreve livros do gênero infanto juvenis. Rick é conhecido por falar de Mitologia Grega, ele é inclusive considerado o mestre desse assunto quando se trata de literatura, já que a maioria dos seus livros aborda este assunto. Ele já havia escrito uma série de livros para adultos, mas o sucesso chegou definitivamente com Percy Jackson E Os Olimpianos, que foi lançado em 28 de Julho de 2005 e vendeu mais de 1,2 milhões de cópias.

    A história trazia como protagonista o semideus Percy Jackson e mostrou aos leitores o mundo do Acampamento Meio-Sangue. O livro foi um sucesso e acabou se tornando uma série com cinco volumes. Eu já li todos e é uma das minhas favoritas. Quem só viu o filme, eu indico muito ler (pois na minha opinião a versão para o cinema não faz jus aos livros de Rick).

    Ele também lançou As Crônicas de Kane, com três volumes até agora, que aborda a mitologia egípcia. Os protagonistas são Sadie Kane e Carter Kane, que narram a história. O primeiro livro, A pirâmide vermelha, foi lançado em 2010.

    Depois da história de Percy, essa é a minha série favorita!

    Os Heróis do Olimpo também é uma das coleções de maior sucesso do autor. O Herói Perdido foi lançado em 2010 e trazia novos personagens como protagonistas, e o segundo, “O Filho de Netuno”, sobre a busca por Percy que até então estava desaparecido; ele acorda sem memória em outro acampamento, o romano! Essa foi a primeira vez que essa parte do enredo foi apresentada aos leitores. A continuação veio por meio de “A Marca de Atena”, super aguardada pelos leitores. O quarto livro, “A Casa de Hades” tem lançamento confirmado para Outubro deste ano, junto com os EUA!

    Pensa que acabou? Ainda não!

    Ele também é o grande criador da série 39 Clues, que eu já li todos os livros (inclusive rolaram algumas resenhas aqui no blog!). A primeira parte é composta por 10 volumes, narrados por Amy e Dan, a dupla de irmãos que percorre o mundo competindo contra os outros clãs da sua família pelas 39 pistas, que levam o vencedor até um prêmio que pode mudar toda a humanidade. É cheio de ação e sequencias eletrizantes, e o autor foi quem desenvolveu toda a história. Rick escreveu o primeiro e último livro (cada volume tinha um autor diferente).

    Quais livros do Rick Riordan vocês já leram? Também gostam?

    August 11, 2013
    postado por

    J.K Rowling dispensa descrições! Todo mundo sabe quem é essa autora britânica de 48 anos (nem parece!). Ela nasceu em 31 de Julho de 1965 na cidade de Yate. Ela já tem três filhos e sua carreira começou há mais de dez anos atrás, quando alcançou o sucesso mundial com sua série de livros mais famosa, Harry Potter, considerado um clássico da literatura infanto-juvenil. Seus livros já foram traduzidos para mais de 64 línguas e venderam mais de 450 milhões de cópias em todo mundo.

    Só para quem pode né? É muito difícil um autor ultrapassar essa marca e também ser o número um em várias listas de livros mais vendidos. É quase impossível conhecer alguém que nunca tenha ouvido falar de HP. Sua fortuna é maior que 1 bilhão de dólares e ela é a primeira autora a se tornar milionária no mundo.

    Mas sem citar tanto os números, J.K se tornou popular pelo seu estilo de escrita único e por ter escrito a jornada de Harry, que foi divida em sete volumes e no cinema, apareceu em oito filmes, que também lucraram muito. Seu primeiro livro após esse sucesso mundial foi “Morte Súbita”, totalmente voltado para o público mais adulto, uma história mais pesada, cheia de críticas sociais e capítulos ácidos, com cenas de violência. Ele foi lançado em Setembro de 2012. Antes mesmo do seu lançamento ele há havia vendido um milhão de cópias em pré-venda. Já foi anunciado que ele será adaptado para uma série de televisão, que tem estréia prevista para 2014 no canal BBC One.

    Agora, uma polêmica que colocou seu nome no topo da mídia novamente nas últimas semanas foi o fato dela ser a autora do misterioso livro The Cuckoo’s Calling, que é do gênero romance policial. Ele foi lançado em Abril de 2013 sob o pseudônimo de Robert Galbraith e muitas poucas pessoas sabiam que ele na verdade era escrito por J.K Rowling. Ela deixou em segredo, pois tinha interesse em saber como seriam as críticas e os comentários dos jornalistas sobre a obra. Segundo ela, ser Robert foi uma experiência libertadora. Logo depois do anúncio, o livro pulou da posição 4.709 para o terceiro lugar na lista de best sellers do Amazon.

    Capa oficial do livro

    No enredo, um veterano de guerra se torna um detetive particular. Ele é chamado para investigar a morte de uma modelo. O sucesso foi tanto que muitos estúdios já levantaram interesse em comprar os direitos para transformá-lo em um filme, inclusive a Warner, que produziu todos os longas de Harry Potter. Um segundo volume também pode estar a caminho para ser lançado no meio de 2014. Ele vai ser lançado no Brasil pela editora Rocco, responsável por lançar todos os livros de Rowling no país.

    E vocês, gostam dos outros trabalhos da autora além de Harry Potter? Já leram os outros livros?

    July 27, 2013
    postado por

    Hoje vou falar um pouco sobre uma das minhas autoras preferidas – e aposto que de vocês também – a Patricia Cabot, ou mais conhecida como Meg Cabot. Tem como não amar os livros dessa norte-americana que, pasmem, já tem 46 anos? Eu jurava que ela era bem mais nova. Aliás, para saber criar personagens adolescentes tão bem, ela tem que ter uma alma de jovem, né? Suas séries mais famosas são A Mediadora e O Diário da Princesa.

    O primeiro livro que li de Meg foi lá por 2008, e era o “Como ser Popular”, um dos seus títulos mais conhecidos. Como o nome sugere, ele não é nenhum tipo de manual de como conseguir novos amigos. Conta a história de uma menina que era excluída na escola e resolve se aproximar dos populares da escola. Mesmo que com esse meu curto resumo a história pareça rasa, ela é um dos livros mais legais de Meg!

    O segundo foi Tamanho 44 Não É Gorda, uma deliciosa comédia, que tem toques de leitura investigativa e policial também. Isso só prova que a autora é super versátil.  O livro segue o gênero check lit e me fez se apaixonar de vez por histórias assim, que são sempre hilárias, com personagens que tem vários problemas e se assemelham mais às mulheres da atualidade. Também li o segundo da série, e agora só falta o último.

    E atualmente estou lendo uma das suas séries mais aclamadas, A Mediadora. Comprei a versão vira-vira, por isso estou lendo bem rápido todos os volumes da série. Logo, logo, tem resenha do primeiro aqui no blog. Quem nunca leu, eu indico. Impossível não se viciar; outra característica interessante é que as personagens de Meg são bem convincentes e nós passamos a gostar muito delas durante a leitura.

    Sem falar também na série que conta a vida de Nikki, a super modelo, que agora está no corpo de Emerson Watts, uma adolescente. Cabeça de Vento é o primeiro volume, seguido por Sendo Nikki. Eles são bem interessantes e trabalham também com o gênero sci-fi.

    E vocês? Qual seus livros preferidos da autora?

    June 6, 2013
    postado por

    Ontem depois que você foi embora confesso que fiquei triste como sempre. Mas, pela primeira vez, triste por você. Que outra mulher te veria além da sua casca? E você não sabe como vale a pena gostar de alguém e acordar na casa dessa pessoa e tomar suco de manga lendo notícias malucas no jornal como o cara que acha que é vampiro. Tudo sem vírgula mesmo e, nem por isso, desequilibrado ou antes da hora.Você não sabe como isso é infinitamente melhor do que acordar com essa ressaca de coisas erradas e vazias.

    E eu tenho vontade de segurar seu rosto e ordenar que você seja esperto e jamais me perca e seja feliz. E entenda que temos tudo o que duas pessoas precisam para ser feliz. A gente dá muitas risadas juntos. A gente admira o outro desde o dedinho do pé até onde cada um chegou sozinho. A gente acha que o mundo está maluco e sonha com a praia do Espelho e com sonos jamais despertados antes do meio-dia. A gente tem certeza de que nenhum perfume do mundo é melhor do que a nuca do outro no final do dia. A gente se reconheceu de longa data quando se viu pela primeira vez na vida.

    E você me olha com essa carinha banal de ‘me-espera-só-mais-um-pouquinho’. Querendo me congelar enquanto você confere pela centésima vez se não tem mesmo nenhuma mulher melhor do que eu. E sempre volta. Volta porque pode até ter uma coxa mais dura. Pode até ter uma conta bancária mais recheada. Pode até ter alguma descolada que te deixe instigado. Mas não tem nenhuma melhor do que eu. Não tem. Porque, quando você está com medo da vida, é na minha mania de rir de tudo que você encontra forças. E, quando você está rindo de tudo, é na minha neurose que encontra um pouco de chão. E, quando precisa se sentir especial e amado, é pra mim que você liga. E, quando está longe de casa gosta de ouvir minha voz pra se sentir perto de você. E, quando pensa em alguém em algum momento de solidão, seja para chorar ou para ter algum pensamento mais safado, é em mim que você pensa.

    Eu sei de tudo. E eu passei os últimos anos escrevendo sobre como você era especial e como eu te amava e isso e aquilo. Mas chega disso. Caiu finalmente a minha ficha do quanto você é, tão e somente, um cara burro. E do quanto você jamais vai encontrar uma mulher que nem eu nesses lugares deprê em que procura. Eu vou para a cama todo dia com 5 livros e uma saudade imensa de você. Ao invés de estar por aí caçando qualquer mala na rua pra te esquecer ou para me esquecer.Também sou convidada para essas festinhas com gente “wanna be” que você adora. Mas eu já sou alguém e não preciso mais querer ser. E eu, finalmente, deixei de ter pena de mim por estar sem você e passei a ter pena de você por estar sem mim. Coitado.

    Sobre o autor: Tati Bernardi é uma autora e cronista brasileira,  é colunista de variadas revistas famosas brasileiras. Jovem, com uma escrita acessível, Tati é adorada pelas jovens pelo simples motivo de que seus textos transparecem sentimentos, o que os torna mais fácil de serem identificados. Saiba mais sobre ela no seu site.

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA