• large-2
    Comportamento, Textos

    O que fazer em tempos de ódio?

    ver post
  • large-2
    Playlist

    Playlist: Agosto

    ver post
  • large
    Amor, Textos

    Ser sensível é corajoso

    ver post
  • imagem.aspx
    Livros

    Livro: Siga Os Balões

    ver post
  • September 14, 2015
    postado por

    large

    O primeiro álbum da Halsey, Badlands

    Eu já falei da Halsey aqui no blog, mas se você ainda não a conhece: ela é uma das apostas atuais do pop alternativo. Ela lançou faz algumas semanas o seu debut, que emplacou o #2 lugar na parada da Billboard. Incrível, né? Além das suas canções terem um conteúdo diferente, com letras incríveis (sobre os mais variados assuntos) ela trouxe uma visão mais legal pro mundo da música, na minha opinião. O título do álbum, Badlands, acompanha todo um conceito especial; é um local que não existe de verdade, mas é onde o disco é ambientado. Você pode ouvir de graça no Spotify. Faixas que eu recomendo (se você vai ouvi-la pela primeira vez): Colors, Drive, Hurricane, Ghost e Gasoline.

     beach weather

    Conheça a Beach Weather

    Para mim não existe um limite máximo de bandas para se viciar, e eu gosto muito de conhecer novas. Então quero indicar pra vocês uma banda que (literalmente) se formou há bem pouco tempo. A Beach Weather faz parte da 8123 e eles lançaram o seu primeiro EP, que tem 5 faixas, faz umas duas semanas. Ele leva o título de “What A Drag” e eu estou absolutamente viciada. As letras grudaram na minha cabeça; é aquele tipo de música boa pra ouvir com os amigos e cantar no carro. A banda é composta pelo Nick Santino nos vocais, Reeve Powers no baixo, Ian Holubiak na guitarra e Austin Scates na bateria. Ouça aqui.

    large

    Última temporada de Awkward

    Sempre que nós acompanhamos uma série por muito tempo e ela chega ao fim, parece que vai faltar uma parte da vida sou dramática e quando ela tem um número de temporadas considerável, como Awkward, que está na quinta, você se torna “próximo” aos personagens. Quando eu assisti Awkward pela primeira vez fiquei muito viciada. Assisti toda a temporada em apenas dois dias, e eu AMEI a Jenna, e é claro, torci muito por ela e o Matty. Já nas outras temporadas eu juro que comecei – assim como os outros fãs – a sentir vontade de matar a Jenna, mas continuei assistindo. E agora o fim chegou. A season 5 estreou no final de Agosto e vai ser o desfecho da série. Vou sentir muita falta. Você pode fazer o download aqui.

    Para suprir o fim, a MTV já confirmou que Faking It vai continuar rolando; a sexta temporada de Teen Wolf já está mais que confirmada amém e a segunda de Scream estréia em 2016.

    July 5, 2015
    postado por

    Scream – MTV (Estréia)

    Eu confesso que nunca curti muito filmes de terror, até ver a franquia Scream, dirigida por Wes Craven e que foi um dos maiores sucessos que estreou nos anos 90. Quando fiquei sabendo que a MTV iria lançar uma adaptação (baseada no longa, mas com uma “nova história”) eu torci um pouco o nariz para a ideia, mas como sou viciada em séries, não poderia deixar de conferir né? Na história, um assassino misterioso começa a matar um grupo de amigos em comum da escola; ambientado na época da era digital, a tecnologia vai aparecer – e muito – assim como às famosas referências a outros filmes de terror famosos.

    Minha opinião? Eu gostei do pilot, mas não achei maravilhoso, sabe? Mas continuarei acompanhando, porque acredito que a série pode nos surpreender bastante no futuro. A produção é teen, então eu já esperava uma coisa mais nesse estilo (muitos clichês de high school e o elenco poderia ter sido mais bem escolhido, MTV e essa mania de só escolher atores bonitos… mas tem que ter talento também, né?). Você pode assistir online legendado aqui ou fazer o download aqui.

    My Mad Fat Diary – Season 3

    Eu comentei pela primeira vez aqui no blog sobre MMFD em 2013; dois anos se passaram e agora a série britânica chega ao fim, na sua terceira temporada (com só 3 episódios. Muitas, muitas lágrimas). A série, que no início não possuía muito público no Brasil, se popularizou bastante no último ano, então se você nunca assistiu, vale a pena! As temporadas tem poucos episódios e na minha opinião, é a melhor série jovem da Inglaterra desde Skins. O series finale vai ao ar hoje, e eu ainda não estou emocionalmente preparada para isso.

    Essa série trouxe uma abordagem nova ao mundo “adolescente” e com certeza, a Rae Earl inspirou à todos que assistiram, sendo uma personagem extremamente forte e fácil de se relacionar. Sem falar na trilha sonora incrível, no ótimo cast, e em um casal que cativou todo mundo: Rae e Finn. Gente, já estou com saudades agora. Parece que uma parte de nós se vai quando uma das suas séries favoritas acaba não estou exagerando.

    Assista online aqui ou faça o download.

    April 12, 2015
    postado por

    Em mais um dos meus finais de semana sem muita ocupação, eu resolvi baixar todos os episódios de Freaks and Geeks, uma série norte-americana que foi bem popular no final dos anos 90 (ela começou a ser exibida em 1999 e foi até Julho de 2000). O elenco é composto por atores bem conhecidos agora pelo púbico, e é legal ver a atuação deles como mais novos; como o James Franco, Jason Segel (de How I Met Your Mother), o Seth Rogen, a Linda Cardellini… A série só tem uma temporada com 18 episódios (infelizmente!).

    Os protagonistas da série são Lindsay e seu irmão Sam, que estão no ensino médio. A trama é meio que dividida em dois plots, com dois grupos: os freaks, que são os adolescentes rebeldes e excluídos da escola, os amigos de Lindsay. E os geeks, os nerds mais novos que são os melhores amigos de Sam.

    A trama fala de uma maneira honesta sobre a vida dos jovens, tudo nos anos 1980, o que deixa o enredo ainda mais legal, já que os episódios são cheios de referências à bandas (aliás, música é uma grande parte do seriado; o tema de abertura é Bad Reputation, da Joan Jett) e os personagens são muito interessantes. É fácil se relacionar com algum deles, e a atuação do cast é impecável. É incrível ver como o James Franco evoluiu como ator e como ele, quando era bem mais novo, já mandava super bem.

    A série foi muito aclamada pela crítica na época, e era exibida pela NBC. O cancelamento causou revolta em vários fãs. Vale muito a pena assistir, principalmente se você curte seriados dos EUA que não caem no clichê e realmente te cativam. Os episódios tem 44 minutos e você vai querer assistir um atrás do outro. Eles passam super rápido! E a atmosfera dos anos 80 é um dos maiores diferenciais.

    Dá para fazer o download pelo torrent aqui.

    Eu me apaixonei, e aposto que se vocês gostam de filmes/séries antigas, com aquela pegada mais cult, vão amar também!

    January 27, 2015
    postado por

    Se você ainda não assistiu algumas séries da MTV, precisa começar agora. O canal sempre teve alguns reality’s shows, mas tem investido cada vez mais nos TV show’s (Teen Wolf, Awkward, Finding Carter, Faking It…) e Catfish é um dos meus favoritos. Enquanto estava viajando, fiquei um tempão assistindo alguns episódios na MTV aqui do Brasil. Ele trata de um tema muito comum nos dias de hoje: os relacionamentos virtuais. Muitas pessoas mantém contato com desconhecidos pela internet (o que é ótimo pra conhecer gente nova, vale dizer) mas alguns se apaixonam e tem namors virtuais durante meses (ou como alguns casos que são mostrados no programa, até anos!) sem nunca ter visto a pessoa pessoalmente, ou feito contato por vídeo.

    O termo catfish (que em tradução é “fisgar”) é popular nos EUA e é usado para definir pessoas que fingem ser quem não são, na internet. Ou seja: fakes, que usam fotos ou se passam por outra pessoa. A cada episódio, Nev e Max (que são a melhor dupla da televisão, sério! Impossível não amar eles) recebem histórias de milhares de pessoas e escolhem uma delas para investigar. Algumas histórias são muito malucas, e totalmente surpreendentes. A pessoa do outro lado da tela pode ser alguém bem chocante, e algumas fazem loucuras (em um episódio, um catfish depositava mais de 10 mil dólares na conta de uma mulher, e ela não sabia quem ele era de verdade).

    Ela estreou em 2012, e a quarta temporada estréia em Fevereiro nos Estados Unidos.

    Vale muito a pena ver, já que além de abordar coisas muito comuns como a popularidade imensa das redes sociais, é também um alerta. Pode parecer um papo antigo, mas em pleno 2015, ainda tem sim muitas pessoas que sabem enganar muito bem os outros na internet.  O seriado é baseado na história do próprio Nev (que também já virou livro), que foi enganado e transformou a sua história em um documentário famoso, com o mesmo nome da série.

    A season 4 vai ter participações especiais, até o Youtuber Tyler Oakley vai fazer uma aparição e ajudar o Nev a descobrir uma das histórias. Eu prometo que se vocês começarem a assistir, não vão conseguir parar. Os episódios são muito envolventes, e você fica ansioso até os últimos minutos pra descobrir a verdade por trás de tudo!

    January 3, 2015
    postado por

    Se você é daquelas pessoas que, como eu, passam vários dias das férias sem fazer absolutamente nada, bem vindo ao clube. Eu fiz tantas coisas nesse ano, foi tanta correria, que a única vez que eu sai de casa foi pra ir na praia uma vez (eu sei que é meio loucura, mas sou preguiçosa) então eu passo a maior parte do tempo vendo séries, no Tumblr, lendo (a autora escolhida das férias é a Rainbow Rowell) e eu vim trazer algumas dicas pra vocês se entreterem nesses dias. É tudo simples, então, não precisa nem se mexer da cadeira pra fazer nada.

    Livros

    Fazendo Meu Filme – Paula Pimenta: Surpreendentemente, ainda tem muitas pessoas que não leram essa história incrível que é uma das mais famosas do Brasil. Fani, uma adolescente que é apaixonada por filmes, passa por muitas experiências nos quatro livros da série. Ela faz um intercâmbio para a Inglaterra, começa a namorar o melhor amigo, depois embarca para fazer faculdade nos EUA… E o legal é que tem uma edição linda com todos os volumes, em capa dura, e até uma de quadrinhos. Não tem mais desculpa pra não ler!

    Eleanor & Park – Rainbow Rowell: Gosta de livros diferentes e que fogem do clichê? Então prepare a caixa de lencinhos e leia Eleanor & Park, o melhor livro (na minha opinião) da autora Rainbow Rowell. Cheio de referências musicais, ele se passa nos anos 80 e mostra o primeiro amor de Eleanor e Park, dois jovens bem diferentes, com vidas totalmente distintas, que começam um relacionamento meio confuso. A história é muito emocionante.

    Will & Will – John Green e David Levithan: Já faz três anos que o John Green não escreve um livro, como ele mesmo afirmou no Twitter, e só eu acho que precisamos desesperadamente de um novo? A maioria da galera ainda não leu Will & Will, que é um livro em parceria com o David Levithan – outro autor incrível, aliás – que fala sobre dois personagens chamados Will Grayson, mas eles não tem nada a ver um com o outro, e o desenrolar da história é bem interessante.

    Séries

    My Mad Fat Diary – UK: Se você ainda não assistiu essa série, dá tempo! O meu 2015 já valeu só pela terceira temporada, que ainda não havia sido anunciada, ter sido finalmente confirmada. O hiatus dura um tempão (normalmente séries britânicas são assim) mas vale muito a pena. MMFD é honesta, emocional, e tem uma trilha sonora maravilhosa. A protagonista é Rae, uma menina que tem problemas psicológicos, e durante a série ela tem que superar eles, e os seus novos amigos a ajudam bastante; um dos pontos altos também é o Finn, provavelmente o melhor personagem masculino já criado na televisão britânica (ok, posso ter exagerado) e que se apaixona pela Rae.

    Red Band Society – US: Eu ando preferindo séries que mostram temas mais reais, e Red Band Society mostra a vida de vários jovens em um hospital da Califórnia. Alguns tem câncer, outros anorexia, enfim, todos enfrentam uma doença séria e correm risco de vida. E eles tem que escolher um jeito de lidar com tudo isso, ao mesmo tempo que querem aproveitar a vida e precisam aprender a se relacionar entre si no hospital, já que eles passam a maior parte do tempo lá.

    Faking It – US: Se você quer mais é rir nas férias e assistir séries com temas mais leves, Faking It é a melhor pedida. Produzida pela MTV, a primeira temporada mostrou duas melhores amigas – Amy e Karma – que fingiam ser lésbicas na escola, mas o problema é que a Amy acabou se apaixonando. Na segunda, muita coisa acontece no desenrolar da história e os episódios que são curtos – só tem 20 minutos – te garantem algumas gargalhadas. P.S: A Amy é a melhor personagem.

    Música

    Os links vão direto pro Spotify, onde você pode ouvir os álbuns completos. Se você quiser ouvir no programa, é só jogar o link na barra de pesquisa.

    Echosmith – Talking Dreams: Echosmith é uma banda norte-americana da Califórnia. Todos os integrantes são bem novos (e irmãos), a vocalista, Sydney por exemplo, tem só 17 (!) e eles já lançaram o álbum debut da banda, que foi super bem nas paradas. O single “Cool Kids” alcançou ótimas posições na Billboard Hot 100, o que fez eles despontarem cada vez mais. O álbum de estréia é muito bom, e o som deles é um indie pop. As minhas favoritas são “March Into The Sun” e “Tell Her You Love Her.”

    LIVESOS – 5 Seconds Of Summer: Não fez nem um ano que os australianos do 5SOS lançaram o primeiro álbum, mas em Dezembro eles já lançaram um live, gravado em diversos shows que os meninos fizeram no decorrer do último ano. Eu amei o CD (se bem que sou suspeita pra falar), e muita gente diz que prefere eles ao vivo, e dá pra sentir super bem a energia do público. Minhas favoritas? Disconnected, She Looks So Perfect (que ganha uma versão beem mais legal live), End Up Here e o cover de Teenage Dream da Katy.

    Infinity EP – Against The Current: É muito amor por essa banda <3 Se você ainda não conhece o Against The Current, do qual eu falei aqui, não perca tempo e vá ouvir o EP da banda, que é composto por 5 músicas bem animadas, cheias de energia e com letras sensacionais. Sem falar que é quase impossível não se encantar pela atitude da vocalista, a Chrissy Costanza, que além de cantar muito bem também é bem estilosa. As que eu mais gosto é “Closer, Faster” e “Another You (Another Way).”

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA