• 22498960_2028529004044575_6241653563477036743_o
    Música

    Conheça a belga Angèle

    ver post
  • d7c4f8272df21bdae9d45345439cf090
    Música, Playlist

    Playlist: Dezembro

    ver post
  • photo-1527936599657-e6d24be0c95c
    Comportamento, Textos, Viagens

    Carta de amor para os nômades

    ver post
  • MV5BOTQyMDYwNDMyOV5BMl5BanBnXkFtZTgwMjM4NTIzNjM@._V1_
    Séries

    Série: O Mundo Sombrio de Sabrina

    ver post
  • Abril 2, 2014
    postado por

    O parque que eu mais estava ansiosa quando soube que ia para Orlando era com certeza o Wizarding World Of Harry Potter, localizado dentro do Islands Of Adventure. Todos os fãs da saga – e até os que nem gostam tanto assim – vão se emocionar e gostar muito do lugar, que realmente faz você se sentir nas páginas do livro ou nos cenários do filme, de tão perfeito que os detalhes e cada pedaço são. De longe era o parque mais cheio! Muita gente também se programava para ir especialmente nele primeiro, assim que chegava no Islands Of Adventure.

    Essa foto foi tirada por mim assim que eu cheguei no parque. No primeiro dia caiu a maior chuva, mas nem isso conseguiu atrapalhar a alegria de estar lá (mesmo tendo que usar aquela capa de chuva, que depois de um tempo, fica insuportável!). Assim que você está se aproximando já é possível ver o castelo de longe e o pessoal bate as fotos logo ali no inicio (não existe apenas uma entrada). Um dos brinquedos principais é o simulador (que é dentro do castelo) e a montanha-russa Dragon Challenge. As lojas e restaurantes são com as descrições feitas nos livros. É tudo feito com extrema perfeição.

    Cerveja Amanteigada

    Eu tinha lido vários comentários sobre ela; alguns diziam que era ruim, outros que era muito bom. Quando eu fui pedir a minha, pedi a mais gelada possível, que era a frozen. Não experimentei a outra versão e me falaram que ela era mais doce que a minha. Eu gostei bastante, na verdade achei que parece meio que um sorvete, um milkshake. É deliciosa. Sério. E o copo também é bem grande, difícil é conseguir tomar tudo aquilo sozinho. Não é caro, porque a quantidade é grande, então vale a pena.

    Dragon Challenge

    Inspirada na primeira tarefa do Torneio Tribuxo, a montanha-russa é a única radical que tem no complexo do parque de HP. É composta por dois trilhos: o vermelho e o azul, que percorrem caminhos diferentes e parece que irão se chocar (embora quem está nela nem perceba!). Como tinha pouca fila, eu consegui ir nas duas. A azul tem mais curvas, porém a vermelha é mais rápida que a outra. Vale super a pena ir, mesmo que o trajeto em si seja bem rápido.

    Harry Potter and the Forbidden Journey

    É praticamente o brinquedo principal do parque todo. É um simulador incrível e MUITO real, onde você passa por vários lugares da história do filme acompanhado dos personagens. Está na lista o campo de quadribol, e também ver os dementadores de perto. Ele sacode bastante, o que deixa tudo mais realista. A fila costuma ser bem maior (na primeira vez eu peguei 20 minutos e na segunda, uma hora) mas aqui não tem essa história de ficar no tédio enquanto espera. Afinal, no caminho, você entra no castelo e passa pelo escritório do Dumbledore, a sala de Defesa Contra as Artes das Trevas, pelo corredor da escola (aqui os quadros também falam!), é muito legal observar tudo. Tem que ir devagar mesmo. Ah, e não adianta muito levar câmera pois a luz não colabora nada pra foto (e é proposital mesmo).

    Honeydukes

    Conhecida como Honeydukes ou Dedos de Mel, essa foi uma das minhas lojas favoritas do parque. É o lugar perfeito para comprar os feijões, os sapos de chocolate, os doces, e tudo mais. Eu fiquei um tempão na loja escolhendo tudo. E o interessante é que cada doce tem um sabor único, ou seja, você não está comprando simplesmente uma barra de chocolate que vai achar fácil em outro lugar. As embalagens são muito legais e super trabalhadas. Amei os feijões (que realmente, tem gostos bem diferentes) e o chocolate que eu comprei.

    Na saída do simulador também tem uma loja que vendem as camisetas, os copos, uma coruja pra vender (sim!), além de muitas outras coisas que vão ser bem especiais pra quem é fã. Eu mesma fiquei louca na loja. Comprei um kit com quatro copos e uma regata da Grifinória. Vale lembrar que a varinha não vende nessa loja e sim em outros lugares espalhados pelo parque (e numa loja no Universal Studios também). A minha dica é: guarde bem o seu dinheiro para esse momento, por quê vale a pena, principalmente se quiser guardar as coisas de recordação. Os copos das casas de Hogwarts são incríveis, muito bonitos.

    Flight of the Hippogriff

    Se você não gosta de brinquedos muito acelerados, está com crianças e quer algo mais leve, essa montanha-russa é bem rápida (dura uns 40 segundos eu acho!) e também não é nem um pouco radical, apesar do carrinho ir numa velocidade alta. A fila também costuma ser bem menor. Não deixe a altura dela te assustar!

    Ah, e você pode também assistir algumas apresentações que rolam no parque.

    Resumindo: é tudo sensacional. Juro que foi um dos meus lugares favoritos da viagem! Ainda quero voltar lá um dia. Vale cada centavo que você gasta para estar lá.

    Março 16, 2014
    postado por

    O Universal Orlando Resort é um complexo de parques que foi inaugurado em 1990, com a finalidade de reproduzir vários estúdios da Universal, é um parque temático dividido em várias áreas e dedicado à muitos filmes e personagens famosos e queridos pelo público. Pessoalmente, ele foi o meu parque favorito que eu visitei na viagem para Orlando. O motivo é que impossível estar no Universal e não sentir a magia daquele lugar! Os cenários são maravilhosos, te transportam para filmes e épocas diferentes, sem falar no parque do Harry Potter (foi emocionante como fã da saga estar lá, finalmente!) e os brinquedos radicais são emocionantes. Sem falar na CityWalk a noite, que é linda!

    Universal Studios e Islands of Adventure

    O parque é dividido nessas duas grandes áreas. A primeira é focada nos cenários e partes diferentes  – ele possui vários, como Nova York, Hollywood, Production Central, San Francisco, World Expo e KidZone – nos personagens, que em alguns horários do dia sempre estão nos parques prontos para bater foto com todo mundo, além de vários simuladores (na Disney eles são super reais. Você se sente transportado para aquele mundo!) e muitos restaurantes temáticos, de super-heróis e quadrinhos principalmente. Já o Islands tem como seu maior destaque o Wizarding World of Harry Potter, Jurassic Park, e muitos brinquedos radicais.

    Os brinquedos que eu mais gostei

    Sou super fã de montanha-russa, e não perco uma. Até as mais loucas, eu sempre topo ir, pra mim é uma das partes mais divertidas dos parques e em Orlando, elas são cheias de surpresas, ou seja, o trajeto nunca vai ser exatamente do jeito que você pensa. Elas sempre passam por lugares inusitados, e são feitas em cenários bem diferentes. A primeira que eu fui, foi a do Hulk, localizada logo na entrada do Islands. É uma das mais fortes da Universal. No inicio, você passa por um túnel escuro meio devagar, para logo depois ela acelerar e ir muito, mas muito rápido!

    Ah, e o destaque também vai para os simuladores. Em alguns, o carrinho fica parado e a tela em 3D só vai mudando, e em outros ele se mexe e vai passando pelos cenários. Porém, eles não são simples! A tecnologia dos parques é de deixar qualquer um de boca aberta. É tudo muito real. Você se sente completamente dentro dos cenários. Eu amei o simulador do Homem-Aranha, que te faz sentir no topo dos prédios da cidade e enfrentando alguns vilões. O do Simpsons é muito divertido e você vai em uma montanha-russa junto com os personagens, enquanto Maggie vira um bebê gigante prestes a destruir tudo pela frente. A do Transformers também é incrível. E o legal é que tudo nos parques são planejados. Os detalhes são perfeitos. Você não vai encontrar defeitos! Se esperar 30 minutos numa fila, não vai ficar morrendo de tédio, porque enquanto você está nela, vai passando por cenários super bem bolados sobre o brinquedo escolhido.

    Além do Hulk, eu também fui na Hollywood Rip Ride Rockit, uma montanha-russa muito legal, cheia de loopings e uma queda gigante no início. Ah, e o mais divertido é que você vai o trajeto todo ouvindo uma música, que você pode escolher antes do brinquedo começar. Uma das minhas preferidas foi a Revenge Of The Mummy. Imagine uma montanha-russa completamente no escuro, e muito rápida! Então, ela é exatamente assim. E com muitas surpresas e cenários legais também. Numa hora, a parede ao seu lado começa a pegar fogo e você também sente todo o calor.  O caminho para chegar nos carrinhos é bem escuro e surpreendente.

    Essa é a emocionante Rockit!

    Revenge of the Mummy é um dos brinquedos mais incríveis do parque

    E tem muita coisa legal para as crianças mais novas também. Aliás, eu via muitas famílias nos parques, os pais sempre iam acompanhados de três filhos pelo menos, sem falar na grande quantidade de gêmeos que tinham lá. O brinquedo favorito dos mais novos era o Despicable Me Minion Mayhem, um filme em 3D onde você virava um Minion (e tinha que aprender a agir como um!). Eu achei bem fofo. Confesso que amei Meu Malvado Favorito 2.

    Existem alguns brinquedos também que você vai a pé, e muitos deles são mais interessantes para quem entende inglês, já que os funcionários ficam interagindo bastante com o público, como o Twister – Ride it Out e Disaster. Eles são opções legais pra quem quer dar um tempo depois do almoço e não ir direto nos brinquedos mais empolgantes.

    RESTAURANTES

    Os lugares para lanchar são vários. Tanto quanto nos dois parques, você encontra muitas opções, algumas mais baratas, outras mais caras, porém os preços não variam tanto assim e os pratos também não. Você vai encontrar muito frango e batata-frita, macarrão, carne, hambúrguer, e se quiser salada, a maioria tem pedaços pequenos de frango. Sim, é frango em praticamente todos os pratos! Cuidado ao pedir coisas com pimenta, porque lá tudo é mais forte e os molhos são muitos. Em alguns lugares a água é grátis. Eu optei por ela em praticamente tudo que comi. Um lanche médio é em torno de 5 ou 6 dólares, os maiores, de 10 à 13 dólares.

    As barraquinhas de comida que tem nos parques (pipocas, sorvete, chocolate) são mais caras. Alguns preços são super salgados então não vale a pena sair comprando tudo o que você vê pela frente. E tudo vem em grande quantidade também, as porções não são muito pequenas, e quando são, na verdade trazem comidas que logo depois você já vai ficar cheio. Por isso, eu optava por coisas leves, porque nos parques, tem que andar muuito durante o dia todo!

    Esse foi um dos meus parques favoritos para bater várias fotos, além do Magic Kingdom. Tem muitos lugares legais, como eu disse anteriormente, todos os detalhes são muito bem feitos. É uma visita que vale a pena! Sem falar no CityWalk, um dos lugares mais bonitos que eu já vi a noite. Quando escurece, todas as luzes se iluminam, é algo fantástico de ver, sério. Nessa área do parque, que fica entre o Universal Studios e o Islands, as pessoas podem ir sem pagar (porque você não entra em nenhum dos dois parques), então, a noite, muita gente vai para lá nos restaurantes, bares e tudo mais. Tem uma vida noturna bem agitada, rolam até alguns shows. Fiquei morrendo de vontade de ir no cinema, que tinha uma estrutura gigante, e um grande telão com nome de todos os filmes (lançamentos que ainda nem chegaram no Brasil) passando.

    CityWalk durante à noite. (Imagem)

    O próximo post será sobre o The Wizarding World of Harry Potter!

    subir
    elas disseram TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2017 // DESIGN POR SARA SILVA